Ultimas Notícias

8/recent/ticker-posts

Header Ads Widget

Enem 2021: saiba o que fazer para não zerar sua redação



As provas do Enem estão cada vez mais próximas. Nos dias 21 e 28 de novembro, os jovens irão realizar os exames que contam com mais de 80 questões. Além das perguntas objetivas, há também a redação, vista como um ponto crucial para que os vestibulandos se deem bem em suas candidaturas. Abaixo, saiba como não zerar a dissertação.

Professor de redação do colégio Motivo, Mário Sérgio explica que não há grandes mistérios para a realização de uma boa prova. De acordo com ele, o primeiro passo é ler a proposta de redação e todos os textos de apoio de modo que seja possível refletir sobre a problemática, teses e repertórios absorvidos em todo o tempo de estudos. Na sequência, ele reforça a importância de um bom preparo emocional para que o vestibulando consiga lidar com a pressão do exame.

“O atingimento das competências exige concentração extrema e precisão na tomada de decisões, o que pode ser custoso para o candidato, considerando-se a leitura prévia de noventa questões. As condições físicas e psicológicas adversas potencializarão erros”, pontuou o professor.

Ele sugere que, depois de toda a leitura, o aluno parta para a realização das provas de humanas, que poderão trazer reflexões geográficas, filosóficas, sociológicas e históricas cujo teor pode não só inspirar, como também ser aplicado à própria redação.

Dicas para a construção de uma redação tranquila

·         Releitura de produções feitas ao longo do ano;

·         Pesquisa sobre temas mais relevantes;

·         Leitura sobre temáticas que não são do domínio do candidato a fim de evitar surpresas na hora da prova.

O que NÃO fazer na sua redação

·         Fugir do tema proposto pela prova;

·         Não obedecer ao tipo de redação solicitado, ou seja, não escrever no formato dissertativo-argumentativo;

·         Não atingir o número mínimo de 8 linhas;

·         Usar formas propositais de anulação, como impropérios, desenhos ou parte do texto deliberadamente desconectada do tema proposto;

·         Desrespeitar os direitos humanos. Até 2018, mensagens de ódio, racismo e preconceito eram motivos para anular a redação. Mas, apesar de não mais zerarem o texto, fazem com que o candidato perca pelo menos 200 pontos na prova;

·         Entregar a folha de redação em branco. O espaço destinado ao rascunho não é considerado pelos avaliadores;

·         Não conseguir demonstrar minimamente nenhuma das cinco competências avaliadas.

Calendário de datas do Enem 2021

·         21 e 28 de novembro: Aplicação das Provas (para quem já está inscrito no exame atualmente, seja como pagante ou isento) para a versão digital e manual do Enem.

·         02 de dezembro: Gabarito oficial do Enem (versão manual e digital).

·         após o dia 25 de dezembro: Divulgação do Cartão de Confirmação da Inscrição da versão manual, por meio da Página do Participante (site oficial do Enem).

·         09 e 16 de janeiro: Aplicação das Provas (novos inscritos, pessoas privadas de liberdade e a reaplicação do exame) para a versão manual do exame,

·         19 de janeiro: Gabarito oficial do Enem (versão manual e digital).

·         21 de janeiro: Previsão da divulgação das notas do Enem 2021 (todos os inscritos).

·         25 a 28 de janeiro: 1ª edição do SiSU 2022/1 (previsão).

·         01 a 04 de fevereiro: 1ª edição do ProUni 2022/1 (previsão).

·         08 a 11 de fevereiro: 1ª edição do Fies 2022/1 (previsão).

·         21 de março: Previsão da divulgação das notas dos treineiros e da vista pedagógica da prova de redação do Enem 2021 (todos os participantes inscritos no Enem 2021).

Postar um comentário

0 Comentários