Propaganda

Últimas Notícias

Homem mata companheira e comete suicídio em Limoeiro


Mais um caso de feminicídio é registrado no interior do Estado. Um homem matou sua companheira e suicidou-se em seguida, no município de Limoeiro, Agreste de Pernambuco, na noite da sexta-feira (2). Segundo a Polícia Civil, a vítima, Eliane da Silva Cruz, de 32 anos, foi morta por disparos de arma de fogo efetuados por Gilson Joaquim Vieira, de 40 anos, que em seguida atirou na própria cabeça. O crime teria acontecido por voltas de 21h, na residência do casal. Eliane e Gilson casaram em 2016, mas haviam se separado. Entretanto, o casal se encontrava rotineiramente. Em junho, eles reataram a relação e voltaram a morar juntos. O crime aconteceu um pouco depois de uma saída do casal para um bar na localidade. O crime aconteceu ao retornarem para casa. Familiares de Gilson encontraram o casal antes do ocorrido e não notaram nenhuma diferença de comportamento de ambos. 

Geanne Vieira, irmã de Gilson, disse a Redação OP9 que ele tinha um histórico de agressão, e que uma vez teria tentado matar uma companheira anterior. Além disso, a irmã também revelou que Gilson tinha sinais de depressão: “Ele vivia dizendo que ia se matar”, relatou. A família de Eliane comentou que percebia um comportamento agressivo por parte de Gilson, na forma como ele falava e agia com ela – sendo um dos motivos do término dos dois. A vítima trabalhava com entregas no Recife. Ambos tinham dois filhos, mas de outros relacionamentos. Os dois corpos estão sendo analisados no Instituto Médico Legal (IML), de Santo Amaro. Segundo a Polícia Civil, as investigações seguirão sob sigilo até a completa elucidação do ocorrido, bem como a causa jurídica das duas mortes. 

Fonte: Texto / OP9

Nenhum comentário

Para comentar neste Blog você deve ter consciência de seus atos, pois tudo que aqui é postado fica registrado em nossos registros. Tenha em mente que seu respeito começa quando você respeita o próximo. Lembre-se que ao entrar aqui você estará em um ambiente bem descontraído e por isso contribua para que ele sempre fique assim. Não esqueça que os comentários são moderados e só iram ao ar depois de uma analise e se passarem por ela iremos publicar, caso não ele será deletado. Para os novos comentários via Disqus ou Facebook a moderação não se faz necesária, já que o nome do usuário fica salvo nos comentários.
Obrigado pela visita e volte sempre.