Últimas Notícias

Ex-vereador Zé Nilton resolve falar sobre o Projeto da Lei Tributária de Limoeiro



Nas ultimas semanas um assuntou tomou as rodas de conversas e bares em Limoeiro, pois o Código de Leis Tributárias que foi proposto pelo atual prefeito de Limoeiro Joao Luiz (PSB) foi mais que discutido e recriminado pela maioria. Muitas pessoas falaram no assunto e outras optaram por ficar só observando, mas na manha de hoje quem resolveu quebrar o silêncio foi o ex-vereador  Zé Nilton que enfim resolveu falar sobre  Leia que tramitava na Câmara de Vereadores. Em sua carta aberta Zé fala um pouco do assunto e destes 10 meses de gestão do atual governo municipal. Leia abaixo na integra o que Zé falou.


Prezados limoeirenses, nos aproximamos de 10 meses de gestão, e desde o início dela tenho me mantido em silêncio. Primeiro, para não quererem associar meu comentário ao simples fato de ser um adversário político. Nunca tive problemas com isso, pois perdemos as eleições e continuamos o mesmo. Os eleitores entenderam que o atual prefeito seria a melhor opção, e assim é feita a democracia. Mas chegou o momento de fazer um comentário, antes do Zé Nilton político, o Zé cidadão, o Zé limoeirense. De forma respeitosa, quero chamar você para uma rápida reflexão: são 9 meses de vários problemas de ordens administrativa e pessoal. Isso não é normal. Nunca vimos um começo de gestão com tanta instabilidade. Cada semana é uma novidade negativa. São feitas ações? São, não sou irresponsável de dizer que nada foi feito, mas por outro lado, é muito pouco e um apanhado de problemas em tão curto tempo.
Tem prestador de serviço esperando receber a Festa de São Sebastião. Nisso, precisamos de planejamento. São dezenas de licitações que nos preocupam pelos valores e pela falta de necessidade. São interrogações que preocupam a sociedade, a exemplo da empresa de transporte escolar, que até hoje nenhum responsável atendeu ao convite dos vereadores para prestar esclarecimentos. Sendo assim, precisamos de transparência e esclarecimentos para o povo. É preciso ouvir. Mas vamos lá! É prédio de fornecedora de água sendo pintado da noite para o dia. É grito e arrogância com vereadores, imprensa e ameaça de gritar até com o governador. É um São João milionário que tanto criticava, mas até agora os donos de som pequeno que sobrevivem ralando em Limoeiro ainda estão sem receber. São projetos e mais projetos polêmicos. Agora mais um sobre carga tributária que está parando a cidade.
E não para por aí. São vários secretários de fora que não sabem nem o nome da rua onde trabalham. Se muda de secretário na prefeitura de Limoeiro a toda hora. Só na secretaria de Finanças são três, ou seja, é assinar atestado de incompetência de escolha e mais ainda de capacidade para trabalhar. Com apenas 9 meses de gestão se fala em impeachment nas redes sociais, se fala em voto de arrependimento, enfim, se fala em tudo de mais negativo. Pergunto: onde vamos parar? Onde estão as promessas de campanha? Que as forças superiores nos protejam. Como cidadão, pense nisso e reflita.
Ass: Zé Nilton


Nenhum comentário

Para comentar neste Blog você deve ter consciência de seus atos, pois tudo que aqui é postado fica registrado em nossos registros. Tenha em mente que seu respeito começa quando você respeita o próximo. Lembre-se que ao entrar aqui você estará em um ambiente bem descontraído e por isso contribua para que ele sempre fique assim. Não esqueça que os comentários são moderados e só iram ao ar depois de uma analise e se passarem por ela iremos publicar, caso não ele será deletado. Para os novos comentários via Disqus ou Facebook a moderação não se faz necesária, já que o nome do usuário fica salvo nos comentários.
Obrigado pela visita e volte sempre.