Ultimas Notícias

8/recent/ticker-posts

Header Ads Widget

Rádio Jornal completa 68 anos com corpinho de 18




Uma das Emissoras de Rádio mais antiga do Agreste Pernambucano está completando no dia de hoje, 17 de outubro, 68 anos de existência e este aniversário poderia ter sido comemorado em grande estilo, mas devido a pandemia do novo Coronavírus, as festividades alusivas não puderam acontecer este ano. A emissora que integra o time de rádios do Sistema Jornal do Comercio de Comunicação recebeu inúmeras homenagens dos ouvintes e como forma de retribuição ao carinho deles, preparou uma programação toda especial com um repertório formado só por artistas locais e um vasto conteúdo do "Radio Jornal fazendo história". Nas memorias da emissora tivemos homenagens a Carlos Alfeu, Célia Maria e outros locutores que fizeram história na emissora. A Jornal está preparando um ótimo presente para seus ouvintes e se tudo der certo em 2021 ela será a Rádio Jornal FM e trará consigo toda a nova tecnologia que a Frequência Modulada pode proporcionar a uma emissora de rádio.

Para quem não sabia a Mais Querida aportou em Limoeiro no dia 17 de outubro de 1952 e de lá até hoje tem seus seguidores fieis que mesmo longe da terrinha usa da tecnologia para ouvir por maio da internet a emissora que encanta a todos. A audiência da Jornal passa de geração em  geração e muitas vezes vem da avó que ouvia ou do pai que escutava o jogo e o filho gostou. Este fato não se explica apenas se sente na pele e a cada novo ouvinte a Rádio mostra que esta mais atual do que nunca. Aqui a informação corre solta e a musicalidade passeia pelos diversos programas da emissora que com muita arte prestigia os artistas locais e da região.  Nós que fazemos o Coisas da Vida  gostaríamos de desejar a Radio Jornal Limoeiro muitas outras primaveras e muito mais informações aos ouvintes. Você escuta a Jornal? Se sua resposta foi sim, diga-nos por onde? (Rádio, Internet ou app) Não deixe de comentar e se desejar deixe sua mensagem de felicitações a emissora Limoeirense.

*Foto Alfredo Neto

Postar um comentário

0 Comentários