Últimas Notícias

CODESUL consegue recurso para instalação de poços artesianos em Limoeiro



Com pouco mais de dois meses da formação da nova diretoria, o Conselho de Desenvolvimento Sustentável de Limoeiro (CODESUL) conseguiu a liberação de um recurso via Governo do Estado para instalação de 10 poços artesianos espalhados pelas comunidades rurais de Limoeiro. As perfurações aconteceram às vésperas da campanha eleitoral do ano passado. Muitos poços apresentaram boas vazões, mas até agora estão tampados. De acordo com o presidente do CODESUL, Eraldo Cardoso, cada instalação (equipamento + mão de obra especializada) pode chegar a R$ 20 mil.

O recurso total, aproximadamente R$ 200 mil, virá através da conta bancária de uma associação comunitária ligada ao Conselho. Na próxima quarta-feira (26), a partir das 9h, no prédio do IPA, no Bairro do Ponto Certo, os presidentes das associações vão debater uma matriz de prioridades e votar no andamento do projeto. Indagado sobre quais as comunidades que serão contempladas com as instalações, Eraldo disse que ainda não tem a lista, mas a prioridade será dada aos locais que apresentaram mais produção de água. "Lembrando que o grande grupo vai escolher os locais das instalações, dando prioridade aos que mais deram vazão", completou.


Necessidade – Durante entrevista concedida à Rádio Jornal Limoeiro, Eraldo falou das dificuldades que o CODESUL enfrenta no processo de reorganização. A diretoria está impossibilitada de visitar as comunidades porque não dispõe de veículo ou ajuda para o combustível. Faltam pastas, canetas e outros materiais de escritório. Sem sede, a entidade encontra abrigo na sede do Instituto de Agronomia de Pernambuco (IPA). “Enviamos um ofício ao município solicitando esse apoio básico, mas até o momento não recebemos nada. Vamos preparar uma carta política assinada pelos representantes das associações e enviar ao Poder Executivo, para tentar conseguir essa ajuda”, disse Cardoso. Atualmente, o Conselho não recebe subvenção e tenta recursos para registrar a ata da eleição em cartório e, a partir daí, tentar uma subvenção municipal.

Nenhum comentário

Para comentar neste Blog você deve ter consciência de seus atos, pois tudo que aqui é postado fica registrado em nossos registros. Tenha em mente que seu respeito começa quando você respeita o próximo. Lembre-se que ao entrar aqui você estará em um ambiente bem descontraído e por isso contribua para que ele sempre fique assim. Não esqueça que os comentários são moderados e só iram ao ar depois de uma analise e se passarem por ela iremos publicar, caso não ele será deletado. Para os novos comentários via Disqus ou Facebook a moderação não se faz necesária, já que o nome do usuário fica salvo nos comentários.
Obrigado pela visita e volte sempre.