Propaganda

Últimas Notícias

Com mais de 500 exemplares vendidos o livro "Uma Breve História de Limoeiro" é sucesso de vendas


Já falamos inúmeras vezes sobre o Livro e seu autor Carlos Pereira que nos brindou com histórias marcantes e muitas vezes hilárias de nossa querida e amada Limoeiro. A cronologia contada no livro "Uma Breve História de Limoeiro" tem ganhando o gosto dos leitores, a confiança no livro é tanta que o autor da obra já comemora mais de 500 exemplares vendidos. O preço ainda é o mesmo do lançamento, 40 reais para se ter em casa e na mente as histórias verídicas de uma cidade que há tempos tinha seu statos e sua cultura histórica. O exemplar pode ser adquirido na Livraria PROEC, na Banca Planalto e em outras cidades vizinhas. Já se foi falado do algodão, da cana de açúcar e de coronel mais ilustre. Quem pode foliar o livro e dedicar alguns minutos para a boa leitura acabou por descobrir diversos lugares que mudaram de local ou deixaram simplesmente de existir.

Falar do livro é resgatar a história de nossa cidade e viajar a um passado onde a modernidade nem sonhava em aparecer e tudo que se tinha eram pessoas edificações rusticas, porem de qualidade. Fatos como as cheias que  preocuparam os limoeirenses também foram relatadas nas páginas do livro. Muitos não sabem, mas lá na Praça da Bandeira já foi um cemitério, onde hoje o Pátio da Feira já foi pelourinho onde os escravos que fugiam eram torturados a açoites pela rebeldia, mas não é só este fato que é relatado pelo autor, diversos outros fatos da antiga e da nova história de Limoeiro são relatados e ainda pode ser lido, basta você querer.

Nós que fazemos o Coisas da Vida desejamos ao autor e a abra muitos e muitos sucessos e que venham dois, três ou mais livros sobre nossa história, afinal ela esta em constante transformação e o que é verdade hoje pode não ser daqui há  alguns anos. Sorte e muito trabalho é o que desejamos a todos que se envolveram e se engajaram neste projeto que deixou de ser um sonho para virar realidade. Desde o escritor até o diagramador, todos sintam-se homenageados pelo brilhantismo com se se empenharam na realização desta obra.

Nenhum comentário

Para comentar neste Blog você deve ter consciência de seus atos, pois tudo que aqui é postado fica registrado em nossos registros. Tenha em mente que seu respeito começa quando você respeita o próximo. Lembre-se que ao entrar aqui você estará em um ambiente bem descontraído e por isso contribua para que ele sempre fique assim. Não esqueça que os comentários são moderados e só iram ao ar depois de uma analise e se passarem por ela iremos publicar, caso não ele será deletado. Para os novos comentários via Disqus ou Facebook a moderação não se faz necesária, já que o nome do usuário fica salvo nos comentários.
Obrigado pela visita e volte sempre.