Ultimas Notícias

8/recent/ticker-posts

Header Ads Widget

PML emite nota técnica sobre girândola de final de ano


A Prefeitura Municipal de Limoeiro (PML) emitiu por meio de nota técnica um parecer sobre a girândola de final de ano que produziu barulho sonoro e acabou confundindo a população que imaginava ser silenciosa a queima de fogos, ou seja,  sem barulho nenhum. Abaixo você confere a nota oficial das PML.

Em relação à girândola de Ano Novo vivenciada na nossa cidade, a Prefeitura Municipal de Limoeiro vem a público informar as diferenças entre os fogos de artifício com estampido sonoro e sem estampido sonoro. Ressaltamos que as informações compartilhadas são da Associação Brasileira de Pirotecnia (Assobrapi) e da Organização Mundial de Saúde (OMS).

De acordo com a Assobrapi, a principal diferença se refere ao nível de decibéis. Os fogos com estampido sonoro ultrapassam a emissão de 150 decibéis, marca superior aos decibéis liberados pelas turbinas de avião (aproximadamente 110 dB). Por sua vez, os fogos sem estampido emitem uma quantidade muito inferior, que não chega a 80 decibéis.

Conforme a OMS, a poluição sonora se refere à exposição a sons acima de 85 decibéis por um longo período de tempo. Os fogos sem estampido sonoro, portanto, não se enquadram na referida situação e não agravam a sensibilidade auditiva de pessoas com Transtorno do Espectro do Autismo (TEA), crianças, idosos e animais.

Segundo a Assobrapi, os ruídos provocados pelos fogos com estampido sonoro se assemelham a explosões e, por isso, são estrondosos. Já os fogos sem estampido proporcionam dois tipos de sons: o primeiro se refere à emissão do disparo inicial, e o segundo chama-se ruído de abertura, uma explosão de pequena proporção provocada pelo rompimento da cápsula que gera os efeitos luminosos, ou seja, o show pirotécnico da girândola. Vale mencionar que a existência de ruídos, tanto nos fogos com estampido quanto nos fogos sem estampido, deve-se à utilização de pólvora.

A Prefeitura de Limoeiro vê com naturalidade os questionamentos da população, por se tratar de um evento inédito no município, e reitera que, visando esclarecer eventuais dúvidas, recorreu a informações das entidades que têm propriedade para tratar do assunto abordado – neste caso, a Assobrapi e a OMS. A gestão municipal pede desculpas a quem, de alguma forma, não se sentiu contemplado pela girândola, que teve duração de aproximadamente 12 minutos e cujo show pirotécnico foi bastante elogiado por munícipes e visitantes que a acompanharam, e reafirma o compromisso com o bem-estar de todos os limoeirenses.

Descrição da imagem: Card com foto da girândola de Ano Novo em Limoeiro/PE (Crédito: Humberto NetPoint) e a seguinte legenda: "Nota Oficial: Baseando-se na Associação Brasileira de Pirotecnia e na Organização Mundial de Saúde, Prefeitura de Limoeiro explica diferenças entre fogos de artifício com estampido sonoro e sem estampido sonoro".

#PrefeituraDeLimoeiro #TerraAmada

Postar um comentário

0 Comentários