Ultimas Notícias

8/recent/ticker-posts

Header Ads Widget

Tania Cosentino, da Microsoft, Belmira Bueno, da Fuvest, Ricardo Tavares, da FTD e Luiz Garcia, do Iteduc estarão no terceiro dia do Educa Week



O Educa Week, maior e principal evento da área de educação do país, estará repleto de painéis interessantes no dia 20 de outubro, dedicado a discutir o mundo pós-pandemia e o olhar inovador para o ambiente escolar. O Educa Week by Night, às 20h30, reunirá Tânia Cosentino, presidente da Microsoft Brasil; Guilherme Henrique de Campli Martins, CEO da Playkids e Arno Krug Jr, CEO da Maple Bear, que darão suas contribuições sobre o tema, debatendo sobre os desafios da Educação 4.0 e como superar os principais obstáculos para impulsionar a Educação no Brasil. A mediação do painel ficará a cargo de Dennis Szyller, CEO da Matific Brasil.

Ao logo da programação do terceiro dia do Educa Week estarão, também, outros grandes nomes da área da educação, como Belmira Bueno, diretora executiva da Fuvest, Luiz Fernando D. Garcia, diretor associado do Iteduc, e Ricardo Tavares, diretor geral da FTD.

Considerado o maior evento de educação básica do Brasil, em sua 6ª edição, o Educa Week vai reunir cerca de 150 autoridades, líderes e ativistas do país, além de grandes especialistas internacionais da área (das universidades de Harvard e Stanford).

A programação totaliza 36 painéis, durante seis dias, com temas pautados nas novas demandas educacionais, geradas e impulsionadas pela pandemia.

O Educa Week 2021 acontece entre os dias 18 e 23 de outubro, das 8h30 às 21 horas; sábado, das 8h30 às 20h. O evento é totalmente on-line e gratuito, permitindo a participação de pais, estudantes, professores e gestores, que irão compartilhar experiências e traçar estratégias para conviver com o novo cenário que a pandemia trouxe para todos na área da Educação. Para participar, basta acessar: www.educaweek.com.br

Saúde mental dos alunos em destaque

Um dos temas mais aguardados desta quarta-feira (dia 20/10) é a questão da saúde mental dos alunos, que foi impactada fortemente por causa do período prolongado da pandemia.  “Para as crianças e adolescentes, o convívio social é essencial para a aprendizagem”, destaca Rocha, que é doutor em educação, diretor pedagógico do Educa Week e diretor acadêmico do Institute of Technology and Education (Iteduc). “Por isso, deveremos todos ter sensibilidade para minimizar esses impactos na retomada. ”

Na agenda desta quarta-feira estão: ‘O papel das avaliações e os novos formatos suportados por tecnologias e métricas’, ‘Os desafios de preparar os estudantes para os diferenciados processos seletivos do ensino superior’, ‘Diversidade e inclusão nas escolas’ e ‘Como as escolas estão se preparando para os graves impactos socioemocionais no mundo pós pandemia’.

Veja a seguir todos os painéis do dia 20/10, quarta-feira:

Painel: Abertura: Escolas e a pós-pandemia.

Quando: 20 de outubro, às 8h30.

Mediação: Prof. André Guadalupe, cofundador, diretor e professor do Colégio Planck; Luiz Fernando D. Garcia, diretor associado do Iteduc; Helena Aguiar, diretora de planejamento estratégico do Colégio Bandeirantes.

Convidado: Ari de Sá, Fundador e CEO da Arco Educação.

Resumo: A educação básica pensada sob uma nova ótica: o que é essencial agora na retomada e qual o impacto disso na vida acadêmica dos alunos no futuro?

Como participar: https://educaweek.com.br/inscreva-se/.

Painel: Como as escolas estão superando os graves impactos socioemocionais pós-pandemia.

Quando: 20 de outubro, às 9h30.

Mediação: Luis Otávio Targa, Coordenador de Orientação Educacional do Colégio Vértice; Katia Chedid, coordenadora pedagógica e orientadora educacional da Escola Beit Yaacov.

Convidados: Viviane Flores, diretora geral do Colégio Santo Américo; Morgana Batistella, head de soluções complementares da Somos Educação; Dulcinéia Marques, diretora presidente do Colégio Galois; Maria Estela B. Zanini, diretora de convivência do Colégio Bandeirantes.

Resumo: Escolas pós-pandemia: Como diminuir os impactos socioemocionais da pandemia? Como trabalhar a humanização nas nossas práticas e resgatar a escola como espaço sociocultural para alunos e para a família? Envolvimento e acolhimento de famílias e alunos que tiveram perdas durante a pandemia.

Como participar: https://educaweek.com.br/inscreva-se/.

Painel: O papel da avaliação e os novos formatos, suportados por tecnologias e métricas.

Quando: 20 de outubro, às 11h30.

Mediação: Daniel Contro, Diretor do Liceu Jardim e Lucas Lamosa, Coordenador Pedagógico do Liceu Santista.

Convidados: Pablo Soares Damaceno, Coordenador Pedagógico do Colégio Pentágono; Solange Giardino, Coordenadora de Projetos do Colégio Arbos; Dra. Michelle Jordão Machado, Assessora de Educação Básica e Superior na União Marista do Brasil e Mateus Noronha, CEO da Eduqo.

Resumo: Práticas diversificadas de avaliação: Como avaliar no ensino remoto e no ensino híbrido? Quais os novos formatos de avaliação? Desenvolver o engajamento dos alunos para evitar “trapaças” em momentos de avaliação. Preparo dos profissionais da educação para compreender os novos formatos de avaliação.

Como participar: https://educaweek.com.br/inscreva-se/.

Painel: O desafio de preparar os estudantes para os diferenciados processos seletivos do ensino superior.

Quando: 20 de outubro, às 14h30.

Mediação: Gracia Klein, diretora geral da Escola Beit Yaacov; Rodrigo Fulgêncio, diretor executivo de unidades escolares do Poliedro Educação.

Convidados: Tadeu da Ponte, coordenador da Insper; Profª. Drª. Belmira Amélia de Barros Oliveira Bueno, diretora executiva da FUVEST; Dr. Durval Daniel Filho, coordenador acadêmico da Faculdade Israelita de Ciências da Saúde e Álvaro Schocair, fundador da Link School of Business

Resumo: Como os vestibulares das principais universidades brasileiras estão se transformando? As políticas de acesso em universidades e o enquadramento de conteúdos. Unificação de vestibulares. Provas em fases, avaliação de currículo, mérito acadêmico-social, ENEM e outras ações que dificultam a preparação dos alunos para as escolhas universitárias.

Como participar: https://educaweek.com.br/inscreva-se/.

Painel: Os desafios das escolas pós-pandemia

Quando: 20 de outubro, às 16h30.

Mediação: Prof. Dr. Ismael Rocha, diretor acadêmico do Institute of Tecnology and Education (Iteduc) e June Alisson Westarb Cruz, superintendente executivo da União Marista do Brasil.

Convidados: Valdenice M. de Cerqueira, diretora geral educacional no Colégio Dante Alighieri; Mauro Salles Aguiar, diretor presidente do Colégio Bandeirantes; Cássio Mori, diretor de marketing da Somos Educação; Ricardo Tavares, diretor geral da FTD Educação.

Resumo: Como preparar os professores e gestores educacionais para as novas demandas e habilidades necessárias do século 21? Investimento em tecnologias e formação de pessoal; incentivos para a equipe desde a sua base; linguagem contemporânea e educação disruptiva serão algumas soluções abordadas. 

Como participar: https://educaweek.com.br/inscreva-se/.

Painel: Tema: Diversidade e inclusão nas escolas.

Quando: 20 de outubro, às 18h30.

Mediação: Luis Otávio Targa, Presidente da Comissão de Orientação Educacional na Educational Leaders e Letícia Reina, gestora educacional da Árvore

Convidados: Débora Vaz, diretora pedagógica do Colégio Santa Cruz; Vitor Mota, Gerente Executivo de Gente e Gestão da Eleva Educação; Cecília Resende, Assessora Pedagógica do Bernoulli Sistema de Ensino; Eduardo Nascimento, Vice-Diretor do Colégio Rainha da Paz.

Resumo: De acordo com o IBGE, as pessoas negras representam 56% da população brasileira. Porém, menos de 10% dos alunos das 20 melhores escolas do País pertencem a esse grupo. Com relação à inclusão, após a universalização da educação, com o Plano Nacional de Educação (PNE), de 2014, o Censo Escolar vem mostrando que o número de alunos com deficiência vem aumentando, chegando a 1,2 milhão em 2018. Porém, em 2020, o presidente Jair Bolsonaro sancionou a Política Nacional de Educação (PNEE), que segundo especialistas pode representar um retrocesso nesse panorama.

Como participar: https://educaweek.com.br/inscreva-se/.


Educa Week by Night: Os avanços da educação pós-pandemia

Quando: 20 de outubro, às 20h30.

Mediação: Dennis Szyller, CEO da Matific Brasil

Convidados: Tânia Cosentino, CEO da Microsoft; Guilherme Henrique de Campli Martins, CEO da Playkids e Arno Krug Júnior, CEO da Maple Bear.

Resumo: Os painelistas lançam um olhar inovador para o ambiente escolar, destacando o que ganham alunos e professores com a Educação 4.0 e como superar os principais obstáculos para impulsionar a Educação no Brasil.

Como participar: https://educaweek.com.br/inscreva-se/.

 

O Educa Week 2021

Considerado o maior evento de educação básica do Brasil, em sua sexta edição, vai reunir as maiores autoridades, líderes e ativistas do país, além de especialistas internacionais (das universidades de Harvard e Stanford), durante seis dias. A programação totaliza 36 painéis, com temas pautados nas novas demandas educacionais, geradas e impulsionadas pela pandemia. Serão abordados aspectos pedagógicos e socioemocionais, transformações geradas no pós-pandemia, os desafios para a escola pública de qualidade, edtechs, e, ainda, como melhorar os índices educacionais no Brasil. Serão debatidas, também, as tendências da educação no Exterior, com estudos de caso em países como Estados Unidos, China e Finlândia. Para completar, o Prêmio Destaque Educação irá reconhecer os projetos pedagógicos que transformaram para melhor a vida dos estudantes durante a pandemia. Confira a programação completa, acessando: https://educaweek.com.br/

O Educa Week é uma realização da Educational Leaders (Grupo de Líderes da Educação), em parceria com o Institute of Technology and Education (Iteduc) e SD Student Travel. Tem como patrocinadores as seguintes organizações: Matific, Árvore, Escolas Exponenciais, FTD Educação, International School, Eduqo e Somos Educação, além do apoio do Colégio Bandeirantes, Colégio Dante Alighieri, Vertice, Colégio Santo Américo, Colégio Rio Branco, Colégio Magno Mágico de Oz, ABStartups, Instituto Casa Grande, Grupo Rabbit, Seppo e Unibes Cultural.

Além dos ativistas e personalidades convidadas, participam, ainda, dos painéis de discussão e fóruns diretores de tradicionais escolas particulares do Brasil, como os colégios Avenues School (SP), Bandeirantes (SP), Beit Yaacov (SP), Bernoulli (MG), Dante Alighieri (SP), Energia (SC), Farias Brito (CE), Farroupilha (RS), Galois (DF), GGE (PE), ISO (PB), Marista Arquidiocesano (SP), Poliedro (SP), Rio Branco (SP), Santo Américo (SP), São Luís (SP) e Vértice (SP).

Sobre o Iteduc: principal apoiador do Educa Week, o Institute of Technology and Education (Iteduc) é uma organização com o propósito de transformar e aprimorar o desenvolvimento da educação, por meio de tecnologias digitais e metodologias híbridas de ensino-aprendizagem. Elaborado por uma equipe de educadores mundialmente reconhecidos, os cursos e metodologias do Iteduc têm como objetivo habilitar o profissional da educação para enfrentar os desafios que o século XXI e, principalmente, para a nova realidade imposta ao setor de Educação, já que, mais do que nunca, a aceleração digital se faz presente em todos os segmentos.

Postar um comentário

0 Comentários