Ultimas Notícias

8/recent/ticker-posts

Header Ads Widget

Em Limoeiro processo de incorporação agrega Colombo e Clube de Campo



Por meio de processo de incorporação, o Clube de Campo de Limoeiro passará a fazer parte da estrutura física, social e administrativa do Colombo Sport Club. As atividades do clube estavam paralisadas há dez anos. Neste período, o prédio esteve alugado para uma igreja. A proposta apresentada pelo alvinegro foi votada e aceita pela maioria dos diretores e sócios na noite da última quinta (7), durante sessão extraordinária convocada por edital e realizada no auditório da Associação Comercial e Industrial de Limoeiro (ACIL).

Dos 31 sócios, alguns representados por filhos, conforme permite o estatuto do Clube de Campo, 30 foram favoráveis. Houve apenas um voto contrário. Presente à reunião, o presidente do Colombo, Marcelo Lapenda, anunciou investimento da ordem de R$ 600 mil. Com a aprovação, ele explicou que o próximo passo será administrativo com os encaminhamentos contábeis e jurídicos para que a incorporação seja concretizada. Em seguida, projetos de reforma, revitalização e ampliação serão elaborados para o início da obra.

Em tom otimista, Marcelo disse a reportagem da Rádio Jornal Limoeiro que espera que o espaço, que fica às margens da Rodovia PE-90, no Distrito de Gameleira, seja reaberto ainda em 2022. Entre as intenções, ele adiantou algumas: recuperar e ampliar a piscina para 25 metros, revitalizar os chalés para utilização como hotel fazenda, construir um campo de futebol e um açude para prática de pesca esportiva, além de restaurar o bar e restaurante. Lapenda também destacou que será realizada uma ampla campanha para novos sócios do Colombo, que passarão a ter um espaço de lazer.

“Com a parceria, o Clube de Campo incorpora-se ao Colombo, que concede participação com cinco cadeiras no seu Conselho Deliberativo que tem 20 integrantes, além de garantir aos sócios presentes à reunião, que ratificaram seu interesse em continuar como sócios do clube, livre acesso gratuito em todas as dependências recreativas, inclusive tornando-se sócio benemérito do Colombo”, comemorou o presidente do Clube de Campo, Luiz Carlos Barros. Em postagem nas redes sociais, ele disse que, atualmente, o espaço do clube vale cerca de R$ 1 milhão.

“No caso de o projeto ser inviabilizado no futuro, os sócios do Clube de Campo terão de volta toda a estrutura, com os benefícios realizados e poderão, inclusive, se desfazer do imóvel, partilhando com os sócios patrimoniais”, explicou Barros. Ele disse ainda durante a reunião que outras propostas de parceria foram apresentadas, porém, durante entrevista ele afirmou que a proposta do Colombo Sport Club foi a mais viável. Clique neste link e confira mais detalhes sobre a proposta de incorporação.

Imagem | Divulgação

Postar um comentário

0 Comentários