Ultimas Notícias

8/recent/ticker-posts

Header Ads Widget

Inclusão em destaque na Semana da Pessoa com Deficiência de Limoeiro



Incluir é garantir o direito de pertencimento à Educação. Com este tema, a Prefeitura de Limoeiro, por meio da Secretaria Municipal de Educação e Esportes, realizará a Semana da Pessoa com Deficiência, evento que consta no calendário anual do Estado. De acordo com o planejamento da pasta, nos dias 23, 24, 25 e 27 de agosto, atividades voltadas à integração e à conscientização dos diversos segmentos da sociedade serão vivenciadas no município. Entrevistas, debates, audiência pública, ações de cidadania e jantar beneficente estão na pauta do evento.

Na abertura, programada para segunda-feira (23), os secretários municipais de Educação e de Assuntos Jurídicos, Fernando Melo e Emerson Marques, respectivamente, concederão entrevistas nas rádios locais sobre a temática e programação deste ano. Eles também falarão sobre o Programa Escola Legal – lançado durante a Emancipação Política de Limoeiro, o qual visa levar conhecimento gratuito às escolas dos direitos e deveres do cidadão. Nas entrevistas, os secretários terão a oportunidade de tirar dúvidas dos ouvintes.

Na terça (24), uma ação cidadã será realizada na Praça da Bandeira, das 8h às 12h, promovida de forma integrada entre as secretarias de Educação, de Desenvolvimento Social e Cidadania e de Saúde. Gratuitamente, serão ofertados serviços nas referidas áreas às pessoas com deficiência e aos responsáveis. Estudantes do curso de Direito da Faculdade de Ciências Jurídicas de Limoeiro (FACJUL), por meio do Programa Escola Legal, estarão com balcão de atendimento na praça. Numa parceria com o Centro Técnico Elvis Lacerda e Caravana do Palhaço Xililique, o momento também contará corte de cabelo e recreação.

A programação segue na quarta (25) com uma audiência pública na Câmara de Vereadores de Limoeiro. Representantes da gestão e vereadores debaterão sobre o tema da Semana da Pessoa com Deficiência, abrindo espaço para construção de ideias, apresentação da estrutura física e pedagógica e debate sobre as demandas da população. E, na sexta (27), encerrando as atividades, o espaço Vera Galdêncio receberá um jantar musical beneficente, a partir das 19h30, em prol do Centro de Estimulação Menino Jesus (CEMEJE). 

Levantamento – De acordo com levantamento realizado pelas Unidades Básicas de Saúde, 21 crianças e adolescentes com algum tipo de deficiência ainda estão fora da sala de aula. Os dados foram levantados pelos Agentes Comunitários de Saúde (ACS). Com os dados, a Secretaria de Educação iniciará um trabalho de busca ativa para garantir que todos estejam matriculados e frequentando regularmente o ambiente escolar. Para isso, a prefeitura garante transporte adequado, acessibilidade e profissionais capacitados para acompanhamento nas escolas.

“Esse levantamento faz parte das ações da Semana da Pessoa com Deficiência. A educação é obrigatória de quatro a dezessete anos, sendo assim, toda criança e adolescente devem estar na escola, inclusive, alunos com algum tipo de deficiência. Vamos identificar os motivos de estarem fora da sala de aula para fazer a sensibilização das famílias, mostrando que a escola é o melhor lugar para socializar. As adaptações necessárias de horário, de recurso e de estrutura vamos garantir”, destacou a secretária executiva de Desenvolvimento do Ensino, Valquíria Pinto.

Para o secretário de Educação, Fernando Melo, o trabalho realizado por uma coordenação da secretaria que trabalha o ano inteiro com alunos com deficiência tem feito a diferença no município. “Temos Lúcia e Luciana que fazem da inclusão um estilo de vida. Trabalhamos para que essa inclusão ocorra de forma natural”, ressaltou Fernando. Ele também citou um projeto idealizado pela Escola Nossa Senhora dos Anjos com a Língua Brasileira de Sinais (Libras), que hoje é referência, tem coral e começa a chegar as demais unidades da rede municipal.

* foto Coral Anjos da LIBRAS composto por alunos da Rede Municipal de Ensino



Postar um comentário

0 Comentários