Ultimas Notícias

8/recent/ticker-posts

Header Ads Widget

Rota do Mar importa tecnologia francesa para o setor de corte




A Rota do Mar sempre se diferenciou no mercado, entre outras razões, por investir em tecnologia para aperfeiçoar a qualidade das suas peças e manter-se competitiva no mercado. Neste início do ano, a empresa pernambucana de confecções adquiriu uma nova máquina de corte de tecidos, a Lectra VectorFashion iX-series, atualizando a versão anterior do equipamento de origem francesa. Até o momento, é a única unidade do equipamento fornecido para Pernambuco. O investimento chegou a R$ 1,3 milhão, incluindo impostos.

A Lectra VectorFashion iX-series oferece recursos que combinam, software e serviços de dados que colocam a empresa na era da indústria 4.0. Outro diferencial é que vai consumir 25% menos energia que o equipamento anterior e possui mais de 150 sensores e sistema de monitoramento com manutenção preditiva.

Segundo Arnaldo Xavier, diretor-presidente da Rota do Mar, a empresa contava com uma versão anterior do equipamento francês há pouco mais de 10 anos. O novo equipamento agregará ainda mais qualidade à modelagem das peças da marca, com otimização do uso dos tecidos, precisão total (erro zero) e rapidez no corte que é totalmente automatizado. “Nossa aquisição vai ampliar a nossa capacidade produtiva em 50%. Dotamos a nossa empresa do que há de mais moderno no mundo para o setor de corte”, explica.

Com a nova máquina de corte de tecidos, a Rota do Mar passa a contar com um dos parques fabris mais modernos da área de confecções do estado, que possui outros equipamentos de ponta na área de bordado, estamparia e sublimação. Para essa última, a Rota do Mar tinha adquirido três plotters para impressão sublimática em tecidos em 2020. O investimento de R$ 700 mil reduziu o tempo de produção, aprovação e aplicação das estampas produzidas pela equipe de criação da empresa, reduzindo etapas e custos de terceirização do serviço.

Os colaboradores que trabalharão com a Lectra receberam uma semana de treinamentos para passar a operá-la. A nova máquina de corte começou a ser usada na linha de produção da Rota do Mar na semana passada.

Postar um comentário

0 Comentários