Ultimas Notícias

8/recent/ticker-posts

Header Ads Widget

Professores de Limoeiro cobram complemento do reajuste do piso




Há mais de seis meses trabalhando remotamente por conta da pandemia do coronavírus, os professores da rede municipal de Limoeiro também utilizaram um modo virtual para reivindicar a complementação do reajuste do piso salarial. Após a divulgação do resultado do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB) ser comemorada pela Secretaria Municipal de Educação, os educadores voltaram a exigir nas redes sociais que a gestão faça a sua parte e cumpra o piso da categoria estabelecido pela Lei 11.378 de 2008.

Para 2020, o reajuste divulgado pelo Ministério da Educação foi de 12,84%. Alegando impossibilidade financeira, após negociações com representantes dos professores, a prefeitura de Limoeiro concedeu 7,37%. Os 5,47% restantes ficou para ser concedido no decorrer do exercício. Chegando ao mês de outubro sem o piso reajustado por completo e dentro de um período eleitoral, os educadores emitiram nesta segunda-feira (5) uma nota para mostrar a insatisfação com o tratamento recebido. Confira abaixo a nota na íntegra:

Os Professores Municipais de Limoeiro repudiam a forma como a Gestão do Prefeito de Limoeiro conduz a Complementação do Reajuste Salarial da categoria, no que se refere à Complementação em 5,47%. Nosso Direito é garantido e assegurado pelo TCE (Tribunal de Contas do Estado) e o STF (Supremo Tribunal Federal) no tocante à aplicação de índices oficiais de reajuste, tão pouco desconexo de período pandêmico ou eleitoral.

Sua resposta negando o nosso direito nos preocupa quanto ao entendimento da essência da luta de nossa causa. Estamos fazendo a nossa parte, a prova é o último IDEB, onde Limoeiro se projeta no avanço da Educação. Esse desempenho é dos Professores! Não só precisamos de seus aplausos, precisamos do reconhecimento de nosso direito. Complementação do Reajuste em 5,47% é Lei! Cumpra o se papel!" Comissão Representativa dos Professores Municipais.


Blog do Agreste

https://blogdoagreste.blogspot.com/2020/10/professores-de-limoeiro-cobram.html 

Postar um comentário

0 Comentários