Ultimas Notícias

8/recent/ticker-posts

Header Ads Widget

Soprano Carmen Monarcha e Orquestra de Câmara de Pernambuco fazem concerto em comemoração aos 89 anos do Conservatório Pernambucano de Música



A soprano de carreira internacional Carmen Monarcha é a convidada desta quarta-feira (14) no concerto em comemoração ao aniversário de 89 anos do Conservatório Pernambucano de Música. Ela fará um concerto em homenagem aos 60 anos do falecimento de Villa Lobos e apresentará também árias de ópera, acompanhada pela Orquestra de Câmara de Pernambuco, sob a regência do maestro José Renato Accioly.

O espetáculo será no Teatro de Santa Isabel, às 20h. A entrada é gratuita e os ingressos serão distribuídos na bilheteria do local uma hora antes do início da apresentação. “Após o sucesso do primeiro concerto de aniversário do Conservatório, exaltando a música popular com a cantora Mônica Salmaso e o pianista Nelson Ayres, a segunda apresentação terá uma roupagem mais clássica e erudita. Não poderíamos comemorar este aniversário de maneira mais satisfatória”, explica a gerente geral do Conservatório, Roseane Hazin.

A cantora lírica faz turnês com o maestro André Rieu, além de já ter cantado com grandes orquestras. O concerto é divido em duas partes: a primeira dedicada à música de Villa-Lobos, com “Bachianas Brasileiras nº5”, “O trenzinho do caipira”, “Bachianas nº2”, e três canções da obra “Floresta do Amazonas”. Já a segunda parte contará com a interpretação de famosas árias de ópera, carro-chefe da carreira da solista, a exemplo das óperas “Carmen” e “O barbeiro de Sevilha”.

“Carmen tem um trabalho solidificado na área do canto lírico, canta ópera e já cantou com grandes orquestras. Este é o concerto que a gente fez no Festival de Inverno de Garanhuns e a gente está feliz em poder repetir isso. Entre as árias famosas de ópera, está ‘O mio Babbino caro’, que ela gosta muito de cantar. Espero que o público presente curta muito esse show”, destaca José Renato Accioly. Árias de ópera de Gioachino Rossini, Giacomo Puccini e Georges Bizet estão no repertório.


Mais sobre os artistas

Orquestra de Câmara de Pernambuco

Fundada em 2011, a Orquestra de Câmara de Pernambuco é um grupo reconhecido no Estado principalmente pelo diálogo com os vários universos da música, transitando entre música de câmara, música popular brasileira, música antiga e óperas, ousando no repertório e nos encontros com solistas de diversos instrumentos. A OCPE visa a difusão da música de câmara e estimula novos compositores pernambucanos, além de investir também na formação de plateia através de concertos-aula.


Carmem MOnarcha (Soprano)

Soprano brasileira de personalidade artística marcante, ganhou fama internacional como solista de André Rieu & Johann Strauss Orquestra. Tem participação ativa nas temporadas e festivais de ópera no Brasil e América do Sul, especialmente Colômbia, Rio de Janeiro, Belém, Belo Horizonte, Manaus e São Paulo. Dividir o palco com André Rieu lhe proporcionou o reconhecimento de público e da mídia internacional, ao mesmo tempo em que a presenteou com a chance de tocar o coração do público com sua voz e carisma, fazendo turnês por toda a Europa, América do Norte, México, Japão, Coreia, Austrália, Nova Zelândia e África do Sul. Em 2019, participa como artista convidada da turnê Bela Primavera do tenor brasileiro Thiago Arancam, promovendo o estilo crossover por várias capitais brasileiras.

Programa



Heitor Villa-Lobos                           Bachianas Brasileiras N. 2 - Toccata (O trenzinho do caipira)

            (Adaptação para Orquestra: Fabiano Menezes)

Heitor Villa-Lobos                           Bachianas Brasileiras n. 5 (Transcrição para Orquestra: João Carlos Araújo)

                                                           I. Ária (Cantilena)

                                                           II. Dança (Martelo)

Heitor Villa-Lobos                       Bachianas n. 4

I. Prelúdio

Heitor Villa-Lobos                       Veleiros

Heitor Villa-Lobos                     Canção do Amor

Heitor Villa-Lobos                     Melodia Sentimental

Gioachino Rossini                   O Barbeiro de Sevilha - Abertura

Gioachino Rossini                   Una voce poco fa (O Barbeiro de Sevilha)

Giacomo Puccini                    Quando m’en vo (La Boheme)

Giacomo Puccini                    O mio Babbino caro  (Gianni Schicchi)

Georges Bizet                         Chanson Boheme (Carmen)

Georges Bizet                         Seguidilla (Carmen)

Georges Bizet                         Habanera (Carmen)

Solista: Carmen Monarcha, Soprano.

Regência: José Renato Accioly 


Serviço

Concerto de aniversário de 89 anos do Conservatório Pernambucano de Música – Quarta-feira, 14 de agosto, às 20h, no Teatro de Santa Isabel (Praça da República, S/N, Santo Antônio). Evento gratuito. Os ingressos podem ser retirados pelo público na bilheteria do local uma hora antes do início do espetáculo.

Postar um comentário

0 Comentários