Ultimas Notícias

8/recent/ticker-posts

Header Ads Widget

Próximo do fim: executivo da Claro acredita que eSIM vai “matar” o SIMcard


A operadora de telefonia Claro está cada vez mais empenhada em implementar a tecnologia eSIM em diferentes dispositivos nos próximos anos, tanto que um executivo da marca acredita que essa ferramenta vai substituir o SIMcard tradicional muito em breve, causando a extinção desse acessório de extrema necessidade. A afirmação foi feita durante o evento Tela Viva Móvel, promovido pela Mobile Time ontem (06) em São Paulo. O chip tradicional é utilizado pelas operadoras de telefonia móvel há bastante tempo, passando apenas por pequenas reformulações de tamanho para se adaptarem aos formatos dos aparelhos, bem como tecnologias aplicadas com o passar dos anos. Entretanto, o SIMcard chegou a um nível de estabilidade que, para inovar, precisaria ser totalmente renovado, e é essa uma das razões que desencadeou a criação do eSIM. 


Apesar de ter como principal diferencial o fato de ser considerado virtual, o novo tipo de chip é uma micro-peça instalada dentro do celular, da mesma forma que o processador e modem, mas com o objetivo de transmitir informações de uma determinada operadora. A Claro foi pioneira aqui no Brasil na aplicação dessa tecnologia nos smartphones compatíveis, tanto que as pessoas que adquirirem um Apple Watch, iPhone XS, XS Max ou XR terão a oportunidade de testar essa forma de serviço. Durante o Tela Viva Móvel, o diretor de inovação da Claro disse que a chegada do eSIM decretou o começo do fim do SIMcard e que essa extinção é uma questão de tempo, e que só depende das fabricantes de smartphones. O executivo ainda esclareceu que essa ferramenta representa uma via de mão dupla de facilidades, como a ativação de uma linha em qualquer operadora habilitada a usar essa tecnologia, sem precisar comparecer a uma loja. 

Além disso, para as operadoras, ajuda na simplificação de processos; redução dos custos de logística; e possibilidade de lançar novos serviços, principalmente em IoT, pois facilita a ativação do serviço, além de conferir mais durabilidade (resistência à poeira, à prova d’água e quedas). Vale lembrar que a Samsung é a única marca com dispositivos fora da Apple que já possui um produto com compatibilidade ao eSIM, haja vista que a sul-coreana adotou essa tecnologia no Galaxy Watch e já está disponibilizando o modelo para venda em diversas lojas, mas a ativação de fato só pode ser feita em um dos pontos de venda da operadora. Além disso, a Claro esperava que a fabricante de eletrônicos fosse preparar a sua linha S10 para a implementação desse novo recurso, porém a operadora segue tendo apenas aparelhos iPhone adaptáveis ao chip virtual.

Telegram / Tudo Celular

Postar um comentário

0 Comentários