Propaganda

Últimas Notícias

Alunos do SESI-PE representarão Pernambuco no campeonato mundial F1 In Schools



Pernambuco será representado na etapa nacional do campeonato mundial de empreendedorismo e tecnologia, o F1 In Schools, entre os dias 15 e 17 de março, no Rio de Janeiro. A equipe Gadget Racing Team, formada por alunos do SESI-PE, foi a única selecionada do Estado para participar do torneio, no qual os jovens serão desafiados a criar uma empresa que funcionará como uma escuderia, bem como projetar, modelar, construir e testar um protótipo de um carro de Fórmula 1.

Composta pelos alunos do Ensino Médio do SESI Goiana, Rodolfo Prazin, Walmir Melo, Glauciano Rabelo, Luis Fellipe de Souza, José Guilherme Torres e Ryan Morais, a Gadget Racing Team já está sendo treinada pelo Departamento Regional do SESI-PE para competir. O responsável por capitanear os seis jovens pernambucanos e auxiliá-los em todas as etapas é o professor Jonas Brito. “Eles estão elaborando sozinhos o plano de negócios, o projeto e a construção do carro de Fórmula 1 em miniatura. Também estão em busca de patrocinadores de forma autônoma. A equipe é bastante unida e está preparada para lidar com pressão”, conta o docente que leciona física e matemática e acumula experiência em robótica educacional e torneios.

Para o superintendente do SESI-PE, Nilo Simões, a iniciativa é uma ótima oportunidade para os estudantes desenvolverem competências cognitivas e novas aptidões além da sala de aula. “Além de terem contato com técnicas de empreendedorismo e tecnologia de ponta, eles desenvolverão raciocínio lógico e capacidade de inovação que só irão agregar na vida pessoal e profissional. Essa competição vai ao encontro da filosofia do SESI de formar cidadãos proponentes de soluções”, comenta. “As escolas do SESI-PE atreladas ao Sistema Indústria têm a preocupação de promover a metodologia STEAM, que une Ciência, Tecnologia, Engenharia, Artes e Matemática. O foco do evento é esse e tem tudo a ver com nossa missão institucional”, acrescenta o Gerente de Educação do SESI-PE, Michael Groarke.

As equipes serão estimuladas a mostrar habilidades em ciências exatas e design, utilizando recursos tecnológicos, tais como impressoras 3D e softwares de gerência de projetos, gestão, finanças, marketing e mídia. Outra atividade que os participantes serão avaliados é a criação de uma ação benéfica para a comunidade. “Vamos realizar uma ação social que funcionará como uma espécie de oficina de robótica na São Mateus Colégio & Cursos, em Paulista, além de doar alimentos”, fala um dos componentes da Gadget Racing Team, Rodolfo Prazin.

Durante a disputa, que acontecerá no Pier Mauá, os participantes apresentarão o portfólio e disputarão corridas de velocidade com os carros construídos em uma pista de 20 metros. Ao todo, 18 equipes participarão do F1 In Schools e os melhores avaliados pelos 15 juízes passarão para a etapa mundial, que acontecerá em novembro, em Singapura, e reunirá estudantes de 40 países. Os vencedores serão agraciados com estágios na equipe da Fórmula 1.

Promovido pelo Departamento Nacional do SESI, o evento tem caráter competitivo e demonstrativo, com o propósito de oportunizar o desenvolvimento de novas modalidades de robótica para os estudantes da Rede SESI, através de uma proposta multidisciplinar global que reproduz os desafios de uma corrida de Fórmula 1.

Nenhum comentário

Para comentar neste Blog você deve ter consciência de seus atos, pois tudo que aqui é postado fica registrado em nossos registros. Tenha em mente que seu respeito começa quando você respeita o próximo. Lembre-se que ao entrar aqui você estará em um ambiente bem descontraído e por isso contribua para que ele sempre fique assim. Não esqueça que os comentários são moderados e só iram ao ar depois de uma analise e se passarem por ela iremos publicar, caso não ele será deletado. Para os novos comentários via Disqus ou Facebook a moderação não se faz necesária, já que o nome do usuário fica salvo nos comentários.
Obrigado pela visita e volte sempre.