Ultimas Notícias

8/recent/ticker-posts

Header Ads Widget

Relatório da CPI do LIMOPREV segue para os órgãos de combate e fiscalização



O relatório final da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) do Fundo de Previdência dos Servidores da Prefeitura de Limoeiro (LIMOPREV) está pronto para ser encaminhado aos órgãos de fiscalização, combate à corrupção e investigação. Nesta quarta-feira (3), o relator da CPI, vereador Marcos Sérgio (PSD), informou que todas as cópias do relatório e da documentação comprobatória foram encerradas. “Encerramos no dia de ontem (3) a tiragem de todas as cópias do relatório e documentação comprobatória da investigação feita pela CPI ao longo desses meses. Dever cumprido”, postou o vereador em sua página no Facebook.

Ainda na postagem, Marcos agradece aos envolvidos na CPI. “Agradeço a Deus que nos deu força e coragem. Aos vereadores, em especial Zé Higino, Daniel do Mercadinho, Batalha dos Mendes e Ronaldo Morais. Reafirmando sempre nosso compromisso com a verdade, em prol, sobretudo, dos servidores efetivos de nosso município, os grandes prejudicados. Agora é com o Ministério Público Estadual, Ministério Público Federal, Controladoria Geral da União, Polícia Federal e Tribunal de Contas do Estado”, finalizou.


Investigação – A CPI concluiu que deixou de ser repassado dentro do prazo legal aos cofres do LIMOPREV, o montante de R$ 9.177.04,11 referente ao patronal e R$ 3.563.409,87 do servidor. Esses valores correspondem ao período de setembro de 2011, quando o fundo foi criado, até dezembro de 2017. O mesmo valor passou por parcelamentos e reparcelamentos junto a Previdência Social nas gestões dos prefeitos Ricardo Teobaldo (Podemos), Thiago Cavalcanti (PTB) e João Luís (PSB). A CPI também cita os secretários de Finanças Ana Guerra, Dioclécio Barbosa, Neto Siqueira e Júnior França, e os ex-gestores do LIMOPREV Lauro Bandeira e Assis Pedrosa como corresponsáveis pelas falhas detectadas.

Blog do Agreste

http://blogdoagreste.blogspot.com/2018/10/relatorio-da-cpi-do-limoprev-segue-para.html

Postar um comentário

0 Comentários