Propaganda

Últimas Notícias

Com gritos de fora Temer, alguns sindicatos e alunos protestaram em Limoeiro contra as reformas propostas pelo novo Governo Federal



O clima em todo o pais foi de paralisação, greve geral, e em Pernambuco o clima começou com alguns vias interditadas como foi o caso das PEs 50, 90 e 95, além das BRs 232 e 101. A cidade de Limoeiro que é intercortada pelas PEs 50, 90 e 95 ficou impedida de ter carros trafegando para outras cidades. Na PE 50 manifestantes impediram a passagem de veículos nas imediações da cidade de Glória do Goita e Vitória de Santo Antão.  Já na PE 90 houve bloqueios nas imediações da cidade de Bom jardim, comunidade de gameleira e na cidade de Carpina. A PE 95 ficou bloqueada entre os municípios de Limoeiro e Passira. Por volta das 10 horas da manhã muitas vias já haviam sido liberadas o que tornou possível o direito de ir e vir dos motoristas e pedestres. 

Esses fatos relatados acima foram registrados nas PE que cortam Limoeiro, já na cidade o comercio como um todo não aderiu a paralisação e abriu suas portas normalmente. Até a Agência dos Correios Abriu normalmente, mas com uma ressalva; Por motivo dos protestos nas BRs e PEs que cortam o estado, muitas mercadorias não chegaram até a Agencia de Limoeiro e por isso as entregas que estão sendo feita são de produtos que já estavam na Agencia e não puderam ser entregues ontem.  A única loja que aderiu totalmente a Greve Geral foi Walter Confecções que fechou as portas e colocou um cartaz avidando: Nenhum direito a menos e não as reformas. Com relação aos atos públicos, foi registrado um ato a favor dos trabalhadores que começou na Praça da Bandeira e seguiu até pelas principais ruas do comercio local até pararem em frente a sede do INSS onde discursaram e repetiram por diversas vezes Fora Teme! 


Em cidades de porte maior a adesão foi parcial ou total, mas em cidade do interior, este movimente não ganha muita força, pois o comercio praticamente é parado e com os bocados de feriados que tivemos (3 no total) no mês de Abril e o que virá na Segunda-Feira (1 de Maio) os comerciantes optaram por funcionar e deixar a greve geral para os grandes centros urbanos. Além dos movimentos sindicais, alunos das escolas particulares e estadual não foram as escolas, mas ganharam as ruas de Limoeiro protestando contra as reformas impostas pelo presidente Michael Temer. Alguns vereadores também tomaram as ruas de Limoeiro em favor do povo, afinal foram eles que o povo elegeram como legítimos representantes da nação. Como foi as manifestações em sua cidade? Deixe-nos saber um pouco! Comente, dê sua Opinião.

Nenhum comentário

Para comentar neste Blog você deve ter consciência de seus atos, pois tudo que aqui é postado fica registrado em nossos registros. Tenha em mente que seu respeito começa quando você respeita o próximo. Lembre-se que ao entrar aqui você estará em um ambiente bem descontraído e por isso contribua para que ele sempre fique assim. Não esqueça que os comentários são moderados e só iram ao ar depois de uma analise e se passarem por ela iremos publicar, caso não ele será deletado. Para os novos comentários via Disqus ou Facebook a moderação não se faz necesária, já que o nome do usuário fica salvo nos comentários.
Obrigado pela visita e volte sempre.