Propaganda

Últimas Notícias

1ª parada gay decepiciona geral



Aconteceu neste sábado dia 21 de abril, feriado de Tiradentes, a 1ª parada gay de Limoeiro que levou brincantes a “desfilar” pelo Ponto Certo, seguindo pela Severino Pinheiro e aportando na Praça da Bandeira. Ao som da banda Só Zueira o público mostrou muita irreverência e alegria. Durante todo percurso houve distribuição de camisinha e panfletos conscientizando a população contra o preconceito e a homofobia.

A atração principal da festa o cantor João do Morro não compareceu ao evento deixando assim uma grande parte do público frustrado. O que seria uma mega festa não passou de um amontoado de gente pulando, pois sem a atração de peso e muitos torcendo contra o evento perdeu seu brilho e ficou ofuscado por não ser o que os idealizadores esperavam. A parada gay foi do ápice da divulgação ao fracasso do evento. O que deu errado? Não se sabe ao certo, tendo em vista que muitos fatores conspiraram contra este manifesto.

De uma coisa todos sabemos; O evento repercutiu bastante em nossa cidade e nas mídias sócias. Diversos sites e blogs divulgaram o evento que começou com nossa matéria sendo replicada por muitos sites. O público foi até grande, mas a decepção por não ter o cantor João do Morro na festa foi maior ainda. Esperamos que o comércio e a população em geral dê mais valor ao evento tornando-o mais lucrativo para a cidade. 

Veja mais algumas fotos do evento...







Texto por Márcio Wanderley e fotos por Pollinne Giovanne

2 comentários:

  1. Gostaria de parabenizar os idealizadores deste evento - mesmo não sabendo quem foram -, pois o preconceito e a homofobia precisam ser erradicados, fazendo desta forma com que haja mais respeito ao ser humano e menos violência contra o diferente. Sou mulher e heterossexual, mas insuportável para mim é ver "machos" que praticam atrocidades como o 'monstro das coxinhas' e outros absurdos que acontecem no nosso cotidiano. Não é vantagem ser 'macho' se não tem bom caráter. Precisamos aprender a valorizar as boas qualidades nas pessoas, independente de suas escolhas sexuais, religiosas ou de suas etnias ou condições, como a social, por exemplo.
    Que nunca desistamos de lutar contra todo tipo de discriminação e preconceito!

    ResponderExcluir
  2. Olha também concordo contigo, sem falar que fui crucificado pelo mero fato de divulgar o evento. Acho essa descriminação racial muito idiota e sem noção alguma. Com relação a festa, se esperava mais por conta da divulgação e a atração principal não veio. Mesmo assim foi bonito ver como ainda se fala em respeito para com os homossexuais.

    ResponderExcluir

Para comentar neste Blog você deve ter consciência de seus atos, pois tudo que aqui é postado fica registrado em nossos registros. Tenha em mente que seu respeito começa quando você respeita o próximo. Lembre-se que ao entrar aqui você estará em um ambiente bem descontraído e por isso contribua para que ele sempre fique assim. Não esqueça que os comentários são moderados e só iram ao ar depois de uma analise e se passarem por ela iremos publicar, caso não ele será deletado. Para os novos comentários via Disqus ou Facebook a moderação não se faz necesária, já que o nome do usuário fica salvo nos comentários.
Obrigado pela visita e volte sempre.