Ultimas Notícias

8/recent/ticker-posts

Header Ads Widget

A Revolta no Galpão das Artes



ESPETÁCULO TEATRAL LIMOIRENSE É OPÇÃO PARA FINAL DAS FÉRIAS E PARA AQUELES QUE AINDA NÃO CONFERIRAM

Dia 30 de julho, nesta quinta –feira no Galpão das Artes, às 19:30 horas o espetáculo A Revolta cumpre mais uma sessão objetivando a manutenção e dinâmina do referido espaço cultural limoeirense destinado ao exercício do teatro aliado ao processo de arte educação. O espaço fica localizado à avenida Severino Pinheiro, nº 329 – A, bem no centro da cidade de Limoeiro. A montagem é patrocinada com recursos exclusivamente do Funcultura, Fundarpe / Governo do Estado – Secretaria de Educação. O texto é de autoria do argentino Santiago Serrano , direção de Jadenilson Gomes, produção do arte educador Fábio André, limoeirense. No palco o elenco de montagens já bem conhecidas do público pernambucano, como A Inconveniência de Ter Coragem, O Macaco Malandro, Deus danado e No Humor Como Na Guerra ( este em março esteve no Festival de Teatro de Curitiba ) : Charlon Cabral, Guilherme de Paula, Lucas Rafael, Jadenilson Gomes e Tarcísio Queiroz. O espetáculo do gênero trágico transfere à platéia uma atmosfera que oscila entre o amor e o ódio. Malva, personagem central, hostil e presa ao seu trono de miséria e poder tenta manipular todos com quem se relaciona. Gerando assim, um incrível jogo de justiça e vingança, onde as peças acabam sendo pessoas do próprio seio familiar, explica o encenador Jadenilson Gomes. Já o figurino é assinado pela arte educadora Sandra Fragoso e o cenário tem a concepção de Jadenilson Gomes. A máxima da encenação valoriza o trabalho de ator que desde janeiro é estudado amiúde com contato direto com o argentino Santiago Serrano. Para aqueles que não viram o espetáculo ainda é uma boa pedida conferir a montagem dos limoeirenses. Fábio André, que assina a produção executiva destaca que o texto foi escrito em 1984 e se desenvolve num âmbito rural, atemporal. Esmiuçando a questão humana, escancarando a olhos nus a dor de um povo que vive da luta, criando revoluções para fazer valer direitos e propriedades adquiridas ao longo da vida e expropriadas pelos mais fortes, detentores do capital e do poder político. Embates psicológicos, confrontos ideológicos, incertezas, traições, amor e morte. A tragédia de mais uma revolução falida.
SERVIÇO
DIA: 30 de julho, quinta-feira
HORÁRIO: 19:30
LOCAL: Galpão das Artes
Avenida Severino Pinheiro, nº 329 – A
Limoeiro – Pernambuco
INGRESSO ÚNICO: R$ 5,00
Contato:
Fábio André ( 81 ) 9684.0567

Postar um comentário

0 Comentários