Ultimas Notícias

8/recent/ticker-posts

Header Ads Widget

Sociedade Musical Santa Cecília celebra 20 anos



No dia 22 de novembro de 2021, data em que se comemora o Dia dos Músicos, a Sociedade Musical Santa Cecília (SMSC), sediada em Limoeiro, celebra 20 anos de fundação. São duas décadas formando centenas de cidadãos e profissionais da música. Por conta da pandemia do novo coronavírus, as atividades foram suspensas há quase dois anos. Mas de acordo com o fundador da SMSC, maestro Wellington Pereira, o grupo está se organizando para o retorno em janeiro de 2022.  

Os primeiros passos foram dados através de um grupo de flautas também chamado Santa Cecília e formado pelo próprio maestro. Sediado no Centro Comunitário José Fragoso Cavalcanti, ele era formado por moradores da Comunidade da Linha e participava de festividades do bairro. Mais tarde, surgiria a ideia de criar uma instituição musical que culminou com a Sociedade Musical Santa Cecília, sugestão de Wellington em homenagem à padroeira dos músicos e a da sua avó.

Com o avanço das ações, formação da diretoria e a inserção de outros instrumentos musicais, a SMSC buscou um espaço maior para desenvolver as atividades, chegando ao Alto de São Sebastião para instalação da sede e, com ela, surgindo a Banda de Música Santa Cecília. “A Sociedade tem como um dos principais projetos a Banda, que possui um repertório eclético, contudo, destaque-se principalmente os ritmos tipicamente nordestinos”, detalhada o fundador.

O repertório tem influência Renascentista, Barroco, Clássico e Modernista, executando diversas músicas populares em seleções de vários cantores nacionais e internacionais. Desde sua fundação, vem atuando em diversas festividades de Limoeiro e Região, além de promover eventos, a exemplo II Festival de Verão de Limoeiro, patrocinado pela CHESF e Prefeitura de Limoeiro. Também firmou convênios com as prefeituras de Limoeiro, Olinda, Ipojuca e Cabo de Santo Agostinho.

Fundador e atual presidente, Wellington Pereira é trompetista formado pela Escola Municipal de Arte João Pernambuco (Recife). Ainda tem o Curso Técnico de Violão Clássico pelo antigo Centro de Criatividade Musical do Recife, atual Escola Técnica Estadual de Criatividade Musical, e Regência pelo Conservatório Pernambucano de Música (CPM). “Estamos trabalhando para a consolidação e fortalecimento da entidade, buscando novos parceiros que contribuam com os objetivos da Sociedade”, pontua. Pereira.

Via  | Blog do Agreste

Postar um comentário

0 Comentários