Ultimas Notícias

8/recent/ticker-posts

Header Ads Widget

Comidas típicas da França: ingredientes, doces, pratos e mais!



Não é segredo para ninguém que a França oferece centenas de cardápios típicos regionais. Muitos deles, já são bem conhecidos em nosso território nacional. No entanto, outras opções não tem tanta popularidade por aqui. O que podemos afirmar é que as possibilidades se enquadram nos mais variados gostos, desde os paladares mais simples até os mais refinados. 

A França é um dos países mais visitados do mundo. Existem muitas opções de turismo nas mais diversas regiões. Por esse motivo, é comum que muitas pessoas procurem também as suas técnicas culinárias para tornar a experiência turística ainda mais completa. 

Neste artigo iremos trazer uma seleção de refeições francesas, para que assim, você possa se informar sobre o prato. Esse conhecimento será útil para quem pretende viajar para o país, ou até mesmo para quem ama cozinhar e deseja se aventurar. Vale a pena conhecer essas opções. 

Comidas típicas da França!

Abaixo você irá conhecer as características de algumas possibilidades francesas que você já pode ter ouvido falar. As informações a seguir vão te inspirar. Tenho certeza que você irá gostar de pelo menos uma, dentre as 12 opções abaixo.

Ratatouille

O Ratatouille tem origem da região Provença. Não existem muitas variantes para essa receita, e podemos dizer que aqui no Brasil a opção já é muito conhecida. Devido aos seus sabores marcantes, o ratatouille combina muito bem com diversos cardápios, incluindo carnes ou arroz. 

É uma mistura colorida que leva diversos ingredientes cozidos. A receita original conta com berinjela, abobrinha, pimentão, tomate e cebola. O modo de preparo é simples, basta cozinhar os ingredientes de modo separado, dourando cada um deles em panelas diferentes. Após isso, é só finalizar a mistura de todos eles com o tempero preferido. Usa-se também alecrim nesta etapa.

Croissant

O croissant é muito conhecido por nós, brasileiros. Acontece que esse alimento é vendido nas mais diversas panificadoras do nosso estado, e na França isso não é diferente. A receita já conhecida em nosso país, não se diferencia muito dos costumes franceses. 

Normalmente, a massa folhada e amanteigada segue o mesmo padrão. O que pode mudar são os recheios. Na França é muito comum encontrar croissants doces e salgados. A vantagem deste prato é a variedade, afinal, é impossível não encontrar uma receita que te chame a atenção, são muitos sabores e recheios diferentes, entre frutas e queijos.

Magret de canard

O magret de canard está na lista dos pratos preferidos das pessoas francesas. Aqui em nosso país essa receita não é tão comum quanto as duas opções acima. No entanto, alguns restaurantes franceses já oferecem a possibilidade nas grandes capitais do nosso país. O magret de canard é basicamente o peito do pato. 

Para que o prato seja delicioso e se assemelhe às origens, o magret deve estar suculento e rosado. Geralmente é preciso dominar algumas técnicas para preparar a opção com perfeição. A maioria das receitas contam com um molho, e nesse caso as variações são grandes, já que podemos encontrar receitas que utilizam vinagre ou mel.

Moules frites

O moules frites também é uma combinação muito conhecida para os franceses, principalmente no verão. A tradução pode parecer estranha à primeira vista, já que de início podemos pensar que o prato se trata de mexilhões fritos. Entretanto, o "frites" é apenas para indicar o acompanhamento, que por sua vez, remete a deliciosas batatas fritas. 

Os mexilhões são servidos ainda em concha na França. Normalmente o prato é preparado com vinho branco e algumas ervas. É uma opção que surpreende a maioria das pessoas, principalmente aquelas que já gostam de provar moluscos.

Cassoulet

O Cassoulet é muito conhecido por ser a nossa feijoada brasileira, só que de maneira francesa. É uma receita típica e muito tradicional. Os ingredientes utilizados são comuns na região, como o feijão branco, por exemplo. O ensopado leva diversos outros alimentos, e muitas cidades francesas disputam para ver quem vai se sair melhor no preparo. 

Para quem quer se arriscar na cozinha, basta cozinhar feijões brancos, e em seguida preparar o restante dos alimentos em uma panela com temperos. É muito utilizado o chouriço, a linguiça, o bacon, o pato ou frango. Por fim, basta cozinhar todos os ingredientes e seguir as técnicas francesas para a finalização.

Croque Monsieur

O Croque Monsieur é muito conhecido na França. Para nós, o prato também não é tão diferente, já que o mesmo se assemelha muito ao nosso sanduíche de queijo e presunto. No entanto, essa receita é feita de uma forma diferente, já que existem alguns molhos e outros detalhes importantes para o sabor. 

Para iniciar os preparativos, o primeiro passo é fazer um molho bechamel, que vai manteiga, trigo, noz-moscada e pimenta do reino. Após isso, é preciso tostar as fatias do pão com manteiga, espalhar o molho bechamel, e em seguida colocar o recheio de queijo e presunto. Por fim, será finalizado ao forno com uma camada do molho por toda a superfície.

Crepe

A receita de crepe pode ser muito confundida com a tradicional panqueca. No entanto, esse prato é diferente, sendo muito típico nas lanchonetes francesas. A massa leva basicamente os ingredientes comuns, como os ovos, o trigo, o leite, a manteiga e o sal. 

Porém, a massa do crepe deve ficar mais fina que a panqueca, sendo também um pouco mais difícil de enrolar. Os recheios podem ser os mais variados, desde os acompanhamentos doces até os salgados, principalmente os queijos. É uma comida tradicional da França, e muito deliciosa, inclusive, para os brasileiros.

Pot au Feu

O Pot au Feu se assemelha com algumas receitas que temos por aqui no Brasil. Basicamente o prato é feito de carnes e legumes, se tornando um ensopado delicioso. Geralmente essa opção é muito servida nos dias mais frios, entretanto, nada impede que seja consumida em qualquer estação do ano. 

A maioria das receitas leva carne de vaca no preparo, como a costela, por exemplo. Já os legumes podem ser os mais variados. Normalmente são usados nabos, cenouras, batatas, ervas e temperos. Para quem deseja experimentar um prato típico da região, sem fugir dos costumes brasileiros, essa é uma excelente opção.

Confit de Canard

O confit de canard também é um prato francês muito conhecido. Basicamente a receita utiliza as coxas de pato, que são cozidas lentamente em gordura de porco ou de pato. Os temperos são mais variados, mas é muito comum usar pimenta do reino e sal. 

Esses ingredientes devem marinar juntamente com as coxas por cerca de 24 horas. Após isso, a peça será selada no azeite, para que assim a gordura entre em ação. O prato é cozido normalmente de 3 a 4 horas. Os acompanhamentos podem variar, mas muitas vezes os molhos são muito requisitados. 

Poulet frites

Essa receita também se assemelha com algumas opções do nosso país, sendo uma excelente possibilidade para quem não deseja experimentar sabores muito diferentes. O poulet fries se trata basicamente de frango assado com batata frita. Isso mesmo, há quem diga que na França são feitos os melhores pratos dessa categoria. 

Muitos frangos são servidos com um molho, que pode ser feito de gordura de peru ou de vinho tinto. Em muitos casos, os restaurantes servem ambas as opções. Além disso, também é comum que além do acompanhamento de batatas, seja servido uma salada de folhas verdes. 

Quiche lorraine

O quiche lorraine se assemelha a uma torta. A opção é muito requisitada na França, inclusive para os almoços e cafés da tarde. No início, essa receita era completamente diferente. Atualmente a versão já conta com outros ingredientes que iremos citar abaixo. 

A massa dessa torta é amanteigada. O recheio é feito de creme de leite, ovos, bacon e para finalizar, uma camada de queijo. Mas, também existem outras opções menos tradicionais, como o recheio de atum, por exemplo. Além disso, é comum encontrar quiches em variados tamanhos, desde porções minis até as grandes tortas. 

 Raclette

A raclette é uma receita francesa que pode ser muito semelhante ao fondue. O prato consiste em muito queijo derretido. Esse ingrediente será utilizado na superfície de batatas cozidas, ou outras opções, como os presuntos e as carnes. 

Existe um aparelho que chama racleteira. Esse equipamento irá facilitar a montagem do prato, já que o queijo será derretido na superfície correta, e em seguida colocado no prato de destino, seja qual for o ingrediente que você escolheu. É muito consumido principalmente nos lanches da tarde. 

Doces típicos da França!

Não é segredo que a França é muito conhecida pelas suas incríveis opções de doces. Abaixo você irá conhecer as possibilidades mais comuns. Algumas delas são conhecidas, inclusive, em nosso território brasileiro. Aprenda mais sobre o tema a seguir.

Petit gateau

O petit gateau é servido em inúmeros restaurantes brasileiros. Mas, o que poucas pessoas não sabem é que esse delicioso prato é tradicional da França. Normalmente a receita servida aqui é parecida com a possibilidade francesa. 

A sobremesa consiste em um bolo amanteigado de chocolate. Este tem uma calda interna que se assemelha a consistência de um brownie, porém, a textura é mais cremosa. Além desse ingrediente, o acompanhamento é baseado em uma deliciosa bola de sorvete de creme. O tamanho do bolo geralmente é proporcional à quantidade de sorvete. 

 Madeleine

A madeleine francesa é muito semelhante à um bolinho. Sua massa é bem amanteigada, e geralmente é feita com baunilha ou raspas de limão. Além disso, o restante dos ingredientes são os ovos, o açúcar, a farinha e o fermento. 

Seu modo de preparo é relativamente simples, já que a mistura irá descansar por 2 horas na geladeira e logo após irá ao forno por apenas 15 minutos. Existem formas tradicionais para que o prato seja preparado com o tamanho correto. Além disso, é comum que alguns locais incrementem o doce com calda de chocolate, por exemplo.

 Profiterole

O profiterole é uma receita incrivelmente deliciosa e tradicional. A sobremesa é composta de alguns passos importantes. O primeiro deles é a criação do bolinho chamado Carolina. Este leva os ingredientes básicos, como manteiga, farinha, água, ovos, leite e sal. É importante apenas se atentar às técnicas para não perder o ponto. 

Após isso, será preciso trabalhar com a calda. Normalmente esse passo é mais simples, já que é preciso apenas derreter o chocolate escolhido, misturando ao leite e ao achocolatado em pó. Por fim, o bolinho será cortado ao meio, recheado com sorvete de creme e coberto com calma e amêndoas de decoração. É uma verdadeira explosão de sabores. 

 Tarte alsacien aux pommes

O nome é difícil mas vale a pena conhecer essa receita. A tarte alsacien aux pommes se trata de uma torta doce recheada de maçãs. O preparo não é tão simples como você pode imaginar, sendo que é necessário dominar algumas técnicas francesas. A massa é feita assim com ingredientes comuns, como a manteiga, os ovos, o trigo e o açúcar de confeiteiro. 

Já o recheio leva maçãs cortadas, água e algumas colheres de açúcar. A intenção é que essa etapa fique cremosa e saborosa. Por fim, a torta será finalizada com um creme que se assemelha ao chantilly, porém o preparo leva leite desnatado, açúcar e gemas. 

Paris-Brest

O Paris-Brest é uma sobremesa famosa e muito bonita. A receita se assemelha a um bolo redondo recheado, que pode ser feito nos mais diversos tamanhos. A massa leva leite, trigo, ovos, manteiga e amêndoas. 

Depois é necessário fazer um creme patisserie e um creme manteiga. O recheio será a junção desses dois preparos, mais pasta de avelã. Com a massa pronta, o bolo será cortado ao meio, recheado e, após isso, será finalizado com açúcar confeiteiro na superfície. É uma delícia para o final de tarde.

Prove as comidas típicas da França!

Nas ruas de Paris, encontramos diversas barraquinhas de comida à venda e é impossível não se encantar com os seus sabores incríveis. Existem ainda muitas outras opções de doces e salgados que certamente vão te surpreender em aparência e sabor! Não deixe de provar cada um desses petiscos quando for conhecer a famosa Cidade das Luzes.

Postar um comentário

0 Comentários