Ultimas Notícias

8/recent/ticker-posts

Header Ads Widget

Sinqia se torna parceira da TechRules no Brasil e amplia oferta de gestão de patrimônio no mercado nacional



A Sinqia, principal provedora de tecnologia e inovação para o mercado financeiro, por meio do Torq Ventures - programa de Corporate Venture Capital (CVC) da empresa, anuncia parceria com a TechRules, empresa espanhola líder em consultoria e fornecimento de software de gerenciamento de patrimônio para entidades financeiras a nível internacional. Com o acordo, a Sinqia passará a oferecer soluções robustas e escaláveis, por meio de APIs para o serviço de private wealth, incluindo a gestão de grandes fortunas.   

Com esse movimento, a Sinqia reforça sua estratégia de trazer mais inovação para o mercado brasileiro e de acelerar seu crescimento com a ampliação dos segmentos de atuação, complementando seus serviços de Asset Managers, Private Banking, Family Offices e Advisers, todos em total conformidade com as regulamentações e legislações existentes.  

O mercado para esse tipo de serviço é extenso no País. Segundo dados da Comissão de Valores Mobiliários (CVM) de março de 2021, no Brasil, há 120 mil carteiras Private e 65 mil grupos econômicos (sendo que 7% estão fora dos bancos). “Essa parceria nos coloca em uma nova posição em um mercado com imenso potencial. Com a tecnologia da TechRules, a Sinqia se tornará uma empresa full solution para private banking no Brasil”, comenta Adriano Carneiro, COO da Unidade de Software da Sinqia.

Para a TechRules, a parceria trouxe muita satisfação, pois ela abre um mercado importante com um grande parceiro no qual existe a certeza de que a sinergia entre as soluções de ambas as empresas trará sucesso.

Jaime Bolivar, CEO da TechRules destaca: “O Brasil é um mercado-chave para a TechRules, onde encontramos na Sinqia o parceiro ideal para que isso aconteça, reforçando nossas soluções para oferecer aos nossos clientes uma plataforma robusta e abrangente que irá atingir diversos segmentos de mercado. Essa parceria irá também definir o rumo para o futuro no segmento de Wealth Management, assim como já aconteceu em outras ocasiões a nível internacional.”

Postar um comentário

0 Comentários