Ultimas Notícias

8/recent/ticker-posts

Header Ads Widget

Grupo de pagode planeja protesto para cobrar cachê atrasado à prefeitura de Limoeiro


Apresentar-se na Festa de São Sebastião é o sonho de todo artista ou banda de Limoeiro. Esse sonho, o grupo de Pagode S.A. conseguiu realizar. Dessa vez, a atração sonha em receber o cachê referente à apresentação realizada em Janeiro de 2019. Há um ano, o vocalista do grupo, Rinaldo Barros (Dada do Pagode), busca receber o valor do show contratado pela prefeitura de Limoeiro. Mensagens e ligações telefônicas somam dezenas de tentativas sem sucesso. E um detalhe: o Pagode S.A. está fora da programação deste ano, mas promete marcar presença na festa.

Os músicos estão planejando um protesto para cobrar o pagamento do cachê e pedir mais respeito com os artistas da cidade. Eles devem cantar parabéns em frente ao palco da Rua da Matriz para "comemorar" o atraso, que completará um ano. "Já tocamos várias vezes na Festa de São Sebastião e entendemos que as dificuldades existem, mas nunca passamos por uma situação dessa. Estamos esperando o pagamento há um ano. Até reconheço que pela primeira vez, em 2018, recebemos o cachê do palco, mas também não posso negar que estamos esperando o cachê de 2019 há um ano", comentou Dada.

PML - Na série de entrevistas de Fim de Ano promovida pela Rádio Jornal Limoeiro, quando questionado sobre cachês de artistas locais em atraso, o prefeito João Luís disse que, mensalmente a gestão municipal vem quitando e que a previsão de término é para o mês de fevereiro de 2020. Procurado pela nossa reportagem, o secretário executivo de Cultura, Jadenilson Gomes, informou que a prefeitura de Limoeiro está se programando para efetuar o pagamento do Pagode S.A. nos próximos dias.

Blog do Agreste


Postar um comentário

0 Comentários