Ultimas Notícias

8/recent/ticker-posts

Header Ads Widget

LBC retorna a Grota de Chuva e relembra bons pedais



Bom dia, boa tarde ou boa noite, onde você estiver sinta-se abraçado pelos membros do LBC. Nosso Diário de Bordo deste domingo (24) vai contar para todos vocês como foi o retorno do LBC a Grota de Chuva. O dia dos bikeiros começou às 04 horas e 30 minutos com os alarmes dos celulares despertando e anunciando que já era hora de pular da cama e se preparar para aquele pedal esperto. O destino desta feita foi Grota de Chuva, pedal esse já realizado pelos meninos ciclistas que estiveram por lá em 23 de abril de 2017 e após cerca de 2 anos resolveram rever o lugar. Em outrora a lama dava nas canelas, mas tempos depois estava mais amena devido a trato dado no local. Os bikeiros saíram de Limoeiro por volta das 5 horas e 35 minutos e seguiram via PE-90 até o povoado dos Mendes. A boa conversa fez parte da vida dos 5 ciclistas que falaram de diversos assuntos. Na playlist do dia muito rock nacional dos anos 80 e 90. 

Os 5 ciclistas seguiram até Bizarra unidos, mas por ironia do destino um deles acabou ficando para trás e tendo de voltar bem lentamente devido ao pneu de sua bike que estava muito baixo. Como não havia neste dia o ciclista que traz a bomba de ar não foi pedalar, acabou que não teve como concertar a bike do ciclista que voltou. Os 4 restantes seguiram seu rumo por Bizarra, subindo e descendo ladeira, parando para tirar fotos e apreciando a paisagem. Para alguns foi apenas relembrar o lugar para outros apreciar a primeira vez na Grota de Chuva. Sem parada para comer a galera seguiu seu rumo e em pouco tempo chegaram na estrada velha, onde desemborcaram na comunidade dos Coqueiros e de lá foram rumo para suas casas. O pedal foi muito agradável e clima variando entre ensolarado e pouco nublado. O pedal total foi de 37,98 KM bem distribuídos. Pedal curto com a galera chegando cedo, foi assim que ficou marcado o pedal do LBC. Até o próximo domingo se assim Deus nos permitir. 







Postar um comentário

0 Comentários