Propaganda

Últimas Notícias

Compesa investe R$ 26 milhões para manutenção de serviços de esgoto em cidades do interior



Para assegurar o bom funcionamento dos sistemas de esgotamento sanitário que já foram implantados ou estão em fase de execução nas cidades localizadas na bacia hidrográfica do Rio Ipojuca, a Compesa está adquirindo equipamentos para a manutenção dos serviços de esgoto. O investimento já beneficia as cidades de Caruaru, Tacaimbó, Sanharó, Gravatá, Vitória de Santo Antão e Escada, que já estão com os sistemas em operação ou com os projetos em andamento, e no futuro, também beneficiará Bezerros, Belo Jardim, Poção, Primavera e Chã Grande - que também serão contempladas pelo Programa de Saneamento Ambiental da Bacia Hidrográfica do Rio Ipojuca. A companhia aplicou R$ 26 milhões, recursos viabilizados pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), para a aquisição de cerca de 180 equipamentos e veículos destinados à limpeza e desobstrução das redes coletoras, fiscalização e até mesmo para obras de pequeno porte.

A proposta é fornecer para as cinco gerências regionais da companhia no estado, que atendem essas cidades, um conjunto de equipamentos e veículos necessários para a realização dos serviços de manutenção diária dos sistemas. Foram adquiridos veículos como retroescavadeiras, poliguindastes, caminhões munck e caminhões combinado que possuem duas funções, hidrojateamento e vácuo (7 mil litros). Este último veículo, por exemplo, permite retirar o esgoto de uma tubulação entupida e, na sequência, um jato de alta pressão remove as obstruções que estão na rede e foram causadas por gordura, areia e dejetos em geral. Também serão comprados caminhões combinado (12 mil litros).


"Estamos utilizando critérios técnicos e de qualidade como referência para a aquisição desses equipamentos. Em alguns casos, técnicos da área de Controle de Qualidade da Compesa visitaram as fábricas para identificar e corrigir erros antes mesmo de efetivarmos a compra", informou Marconi de Azevedo, diretor Regional de Interior da Compesa. Outros equipamentos adquiridos para serem utilizados nos serviços de manutenção foram compressores, bombas de esgotamento, marteleiras, compactadores, betoneiras, roçadeiras, esmerilhadeiras, rompedores pneumáticos, placas vibratórias, entre outros. 

Nenhum comentário

Para comentar neste Blog você deve ter consciência de seus atos, pois tudo que aqui é postado fica registrado em nossos registros. Tenha em mente que seu respeito começa quando você respeita o próximo. Lembre-se que ao entrar aqui você estará em um ambiente bem descontraído e por isso contribua para que ele sempre fique assim. Não esqueça que os comentários são moderados e só iram ao ar depois de uma analise e se passarem por ela iremos publicar, caso não ele será deletado. Para os novos comentários via Disqus ou Facebook a moderação não se faz necesária, já que o nome do usuário fica salvo nos comentários.
Obrigado pela visita e volte sempre.